4 erros ao fazer vendas pelo WhatsApp

Por Marcelo - ddwb | Dicas

4 erros ao fazer vendas pelo WhatsApp

Que tal aprender algumas boas práticas de vendas pelo WhatsApp? Isso mesmo! Nos últimos anos, esse aplicativo deixou de ser uma mera ferramenta de comunicação e começou a ser notado pelas marcas como um canal excelente para fechar bons negócios.

Só no Brasil, a plataforma já atingiu 1 bilhão de usuários inscritos e ativos por dia — o que reforça o fato de que as empresas devem estar preparadas para aproveitar as suas funcionalidades. Contudo, na hora de “arregaçar as mangas” e divulgar um produto ou serviço, muitas organizações costumam cometer certos erros. Exagerar na quantidade de contato, pecar pela inconveniência e não usar uma linguagem correta são alguns deles.

 
Para não fazer parte desse grupo, continue acompanhando o post. Ao longo da leitura, contamos quais são as principais gafes cometidas e que devem ser, ao máximo, evitadas para não prejudicar o seu resultado. Vamos lá!
 

Quais são os principais erros cometidos na hora de fazer vendas pelo WhatsApp?

Como dissemos na introdução deste post, não é raro encontrar empreendedores que vivem cometendo erros durante as suas ações nessa plataforma. É claro que você não precisa ser uma delas. A seguir, mostramos quais são esses deslizes e a melhor forma de evitá-los.
 

1. Utilizar uma linguagem inapropriada

Um dos principais erros dos empreendedores ao tentar fazer boas vendas pelo WhatsApp, é não utilizar uma linguagem adequada. Em linhas gerais, podemos dizer que não existe um modelo universal de comunicação que deve ser usado na plataforma por todas as empresas. O mais interessante é sempre adotar posturas que estejam de acordo com o espírito e a missão da sua marca.
 
Além disso, é essencial avaliar a outra ponta. Caso o seu público-alvo seja jovem e descolado, não há mal nenhum em utilizar expressões da moda, diminutivos e, até mesmo, stickers ou memes. Já se os seus clientes seguem um perfil formal e sofisticado, é de extrema importância transmitir essas características na comunicação que será estabelecida com cada um deles.
 
Ao investir nessa dica, será mais fácil estabelecer um vínculo com os consumidores, permitindo que eles se identifiquem com a proposta do negócio e, logo, tenham maior interesse para realizarem compras.
 

2. Enviar mensagens todos os dias

Há quem acredite que, para gerar bons resultados nas vendas pelo WhatsApp, é preciso enviar várias e várias mensagens para os consumidores. Não caia nessa! Para fazer com que eles, de fato, se interessem pelo seu produto ou serviço, é fundamental não pecar pelo excesso e evitar ao máximo qualquer tipo de inconveniência.
 
Mensagens invasivas, fora do horário comercial ou que chegam constantemente para o usuário podem causar uma má impressão a respeito da sua marca. Em outras palavras, ninguém gosta de ser bombardeado de notificações — especialmente, por uma empresa.
 
O segredo é um só: crie um planejamento estratégico, programe os conteúdos que serão disparados e pondere sempre que puder. Esse cuidado mostrará que a sua empresa respeita o tempo dos seus clientes, fazendo com que eles se sintam mais confortáveis na hora de solucionar dúvidas ou, simplesmente, fazer um pedido.
 

3. Exagerar nas mídias

Um dos fatores responsáveis por fazer com que o aplicativo se destaque no meio dos negócios é, justamente, a diversidade dos seus recursos de mídia. Sua utilização permite o envio de mensagens de texto, áudio, a realização de chamadas por voz e por vídeo e, inclusive, o compartilhamento de vídeos diversos.
 
Mas isso não significa que, se tratando de uma empresa, está liberado usar e abusar dessas funcionalidades. Lembre-se de que, para conseguir utilizar esse canal com sabedoria, é fundamental sempre optar pelo equilíbrio e bom senso.
 
Também é importante ter em mente que cada um desses recursos é capaz de comprometer o pacote de dados do cliente. Ou, até mesmo, não ser visualizado porque o destinatário não possui um sinal de internet bom.
 
Antes de tomar qualquer medida, não deixe de analisar detalhadamente o perfil do seu público, considerando a sua localização, faixa etária, renda mensal e por aí em diante. Somente a partir de um estudo completo, você poderá escolher o formato de mídia que melhor se encaixa em cada situação. Combinado?
 

4. Ignorar feedbacks

Além de servir para realizar vendas, o WhatsApp deve ser encarado como uma rica ferramenta para estreitar o relacionamento com o consumidor. Diante disso, outra recomendação que merece destaque, é que você não ignore os feedbacks dessa plataforma.
 
Muitas vezes, os clientes utilizam o canal para reclamar, dar dicas de melhorias ou solucionar dúvidas diversas. E você, como um bom gestor e empreendedor, não pode deixá-las passar batido.
 
Uma vez presente no app, será preciso prosseguir com a interação, respondendo o público com frequência e se mostrar disposto a não somente utilizar o programa para lucrar, mas também, para conversar e entender as demais necessidades dos consumidores.
 
Dica bônus: fique sempre de olho caso as pessoas solicitem para serem descadastradas de suas listras de transmissão ou demais modelos de envio de mensagens. Afinal, respeitar o espaço do outro é essencial.
 

Quais são as boas práticas de WhatsApp para restaurantes?

O nicho dos restaurantes é um dos que mais podem se beneficiar das vendas pelo App. Por isso, além de cadastrar o seu negócio em outras redes sociais e plataformas de delivery, não deixe de oferecer esse canal de contato para que os clientes possam dar sugestões, tirar dúvidas, além de, claro, fazer os seus pedidos.
 
E caso você não saiba quais são as boas práticas indicadas para esse segmento, anote as recomendações a seguir:
 
  • Utilize a versão do WhatsApp Business para transmitir mais profissionalismo;
  • Crie mensagens automáticas e personalizadas, como: as de ausência, as de saudação e as respostas rápidas;
  • Configure um horário de atendimento, conforme o funcionamento do seu estabelecimento;
  • Cadastre os contatos da sua marca: site, e-mail e endereço;
  • Tenha um cardápio digital para oferecer aos usuários;
  • Use o WhatsApp Web para facilitar o envio de mensagens.
E então, gostou das nossas dicas sobre como acertar em cheio nas vendas pelo WhatsApp e conseguir se destacar entre a concorrência? Estamos torcendo para que o seu negócio decole daqui para frente.